“Daniel Nunes obrigado a desistir quando era segundo”

Não correu da melhor forma a segunda jornada do Campeonato Open de Ralis para a dupla de Sintra Daniel Nunes e Daniel Amaral.


O Rali de Barcelos, que em 2012 teve a sua 4ª edição foi pontuável ainda para o Campeonato Regional Ralis Norte e Campeonato de Portugal Júnior de Ralis.

A dupla do Mitsubishi Evo VI foi mais uma vez um dos principais candidatos aos lugares do pódio, num rali que apresentou uma estrutura algo difícil para as equipas que realizam apenas uma passagem por troço.

Daniel Nunes registou nos dois troços iniciais o quarto melhor tempo, sendo o segundo na terceira especial e ocupando já igual posição após estas três primeiras especiais.
No inicio da segunda secção e quando nada o fazia Nunes e Amaral vieram a ser obrigados a desistir. Ao arrancar para a quarta especial, o veio da transmissão partiu e nada mais havia a fazer, acabando assim mais cedo o rali para a dupla, e perdendo a possibilidade de garantir mais um brilhante segundo lugar.

“A prova estava a correr bem, estávamos a cumprir aquilo que tínhamos em mente para este rali. Fizemos uma boa primeira secção, que nos garantia ao inicio da tarde a segunda posição da geral, lideres no campeonato Júnior e também Regional Norte. Infelizmente tivemos um azar mecânico que nos obrigou a desistir, mas temos de nos manter confiantes, e voltar aos bons resultados já na próxima prova, o Rali Castelo Branco”.

Daniel Nunes e Daniel Amaral prosseguem então a sua época desportiva no mês de Março com a realização da prova a cargo da Escuderia Castelo Branco, o Rali de Castelo Branco.

Rally Mania com A.I.