Tour de Corse: Bouffier oferece primeira vitória à Peugeot

Bryan Bouffier conseguiu levar a melhor que Kopecky, vencendo a Volta à Córsega. O francês conseguiu superar o piloto da Skoda neste segundo dia, levando o Peugeot 207 S2000 à vitória, a primeira da marca do leão neste Europeu.


Jan Kopecky teve de se contentar com o segundo posto, um bom resultado para o campeonato. O checo perdeu muito tempo no primeiro troço do dia, onde se acumulava alguma lama, não mais recuperando a distância que o separava da liderança.

Stéphane Sarrazin levou o Mini John Cooper Works da First Motorsport ao mais baixo lugar do pódio, um trabalho de consistência para um piloto que apenas por três vezes registou tempos no top 3. Regresso positivo para o especialista em asfalto, até há pouco tempo piloto oficial da Peugeot em circuitos e ralis.

Craig Breen é o grande derrotado desta prova, tendo liderado no dia de ontem, voltou a atrasar-se no dia de hoje quando era terceiro. O jovem piloto da Peugeot voltou a cometer um erro, acabando por dar um toque que danificou a traseira do seu 207. O quarto lugar é um resultado positivo, tendo em conta tudo o que aconteceu.

François Delecour foi o quinto classificado, num rali sem brilho do veterano. Esperam-se melhores exibições da velha raposa. O sexto foi Julian Maurin e o sétimo Andreas Aigner, vencedor da Produção.

Kornél Lukács venceu no ERC 2WD com um Citroen C2, enquanto o português Renato Pita foi 11º. Navegado por Marco Macedo no Peugeot 208 R2, Pita não descolou do fundo da tabela depois do furo no dia de ontem.

Classificações neste link.