Objectivo alcançado para Figueiredo

Aproveitamos a pausa de 2 meses que o Troféu FastBravo 2013 está a viver para fazer um balanço com o piloto Nuno Figueiredo da 2a prova, realizada no início de Março em Castelo Branco. Após a desistência prematura na 1a prova da temporada, Nuno Figueiredo apresentava-se determinado em terminar o Rali Cidade de Castelo Branco, um evento que decorreu sob a influência de condições climatéricas bastante adversas. 

Nuno Figueiredo, navegado por Luís Silva, adoptou desde a fase inicial um ritmo tranquilo e regular que apesar de alguns problemas mecânicos viria a ser recompensado com o 2o lugar no Troféu FastBravo. “Entrámos em prova retraídos e pouco confiantes devido ao abandono na prova anterior e aos acidentes da primeira especial. As difíceis condições do percurso e a necessidade de pontuar obrigou-nos a adoptar um andamento muito inferior ao desejado e sem riscos, que mesmo assim nos permitiu alcançar a vitória no 3o troço da manhã.” 

A 2a parte do rali realizada no período da tarde viria a revelar-se ainda mais complicada e difícil para esta equipa: “Logo na primeira especial da tarde ficámos com problemas de motor, que começou a falhar e a perder rendimento. Efectuámos as restantes 4 classificativas em ritmo de passeio e a poupar a mecânica. Mesmo com esta condicionante mantivemos uma atitude positiva e com muito esforço e sacrifício conseguimos levar o Marbella até ao final garantindo a 2a posição. O balanço acaba por ser positivo e o objectivo de pontuar o máximo possível foi alcançado.” 

Após duas provas Nuno Figueiredo ocupa a 4a posição do Troféu com 14 pontos. A próxima prova do Troféu FastBravo é o Rali Cidade de Guimarães, prova que irá para a estrada nos dias 17 e 18 de Maio.

RallyMania com A.I.